[resenha] Bruxas, Bruxos e os feitiços mais cruéis que se podem imaginar - Seleção Joseph Jacobs

Autor dos contos: Joseph Jacobs
Tradução: Vilma Maria da Silva e Inês A. Lohbauer
Editora: Martin Claret
Número de páginas: 133
Classificação: 5/5

Sinopse: Bruxas... Algumas são más, terrivelmente más! Outras, nem tanto. E existem ainda algumas que são verdadeiras heroínas. É uma pena que só se conheçam as más. Elas foram as que ficaram mais famosas na história da humanidade, afinal, fizeram tantas coisas terríveis que é difícil de esquecer. Mas existem também as boas. E há os feiticeiros... Quem nunca ouviu falar de Merlin, por exemplo – o mago celta que ajudou o Rei Artur? Pois então deixe de lado o preconceito e abra este livro. Nele, você encontrará 10 contos sobre bruxas, bruxos e seus feitiços extraordinários. São contos da cultura celta que foram recolhidos da tradição oral e recontados por Joseph Jacobs, folclorista e estudioso dos mitos e lendas britânicos. Você pode acabar descobrindo que feitiços são muito interessantes – às vezes cruéis, outras, divertidos. Mas tome cuidado! Entre um conto e outro, sem que se dê conta, você pode acabar completamente encantado. 


     Sempre fui fã de conto de Bruxas e Bruxos, quem não gosta de Merlin? Viajo quando vejo a série! Mas o bom deste livro, é que dá pra ver várias faces, tem as más, as boas e as que se mais vê são as más. Se eu fosse falar dos dez aqui, falaria eternamente, então resolvi falar de um conto, que foi um dos meus preferidos, poderia falar de mais alguns, mas qual seria a graça? É bom deixar um suspense. Foi difícil a escolha, cada um consegue superar o outro! Fora a belíssima tradução, os contos são objetivos e muito bem transmitidos, e as ilustrações então? Babei em todas, muito perfeitas, dá toda uma diferença na leitura, não fica só na nossa imaginação. Mas vamos lá!
      
       Como Cormac Mac Art foi ao reino encantado: Cormac, filho de Art, filho de Conn das Cem Batalhas, rei da Irlanda, ocupava sua corte em Tara. Ele ficou curioso ao ver um jovem segurando um galho encantado com nove maçãs vermelhas. E onde ele brandisse esse galho, a necessidade de todos eram supridas. O rei se interessou bastante e perguntou ao jovem o quanto queria naquele galho, o jovem por sua vez, perguntou ao rei se ele daria qualquer coisa, o rei consentiu, e o jovem pediu sua esposa, o filho e a filha. E ouviam-se sempre, lamentações pelo ocorrido em Erin. Depois de um ano, Cormac decidiu ir em busca de sua esposa e filhos, dar um fim a este vazio que sentia. 
       Em sua jornada encontrou uma linda campina, alguns cavaleiros cobriam a casa com plumas, e mais adiante, encontrou três fontes imensas. Seguiu mais adiante e encontrou uma casa, onde estavam um homem e mulher, o saudaram e o convidaram a entrar. Pediram para o rei servir-se, o que ele o deixou meio espantado E ali contaram histórias, até que o rei contou como saiu em busca de sua esposa e seus filhos, mas sem muito sucesso. Depois de um tempo o dono da casa perguntou se o rei se importaria de comer com mais três pessoas. Ao abrir a porta, sua esposa e filhos aparecem, proporcionando ao rei uma grande alegria. O dono do galho encantado, conta que foi ele mesmo quem fez o acordo! Deu então ao rei, o galho, a toalha e o cálice que possuía uma virtude (de que toda vez que uma falsa história era contada diante dela, se repartia em quatro partes e se refazia toda vez que uma história verdadeira era contada).E dali por diante, não haviam mais tristezas, apenas um banquete para se saciarem, e ao amanhecer todos estavam em Tara dos Reis, e ao lado deles estavam a toalha, o cálice e o galho.
      
     Acho que ficou bem mais do que entendido o porquê de eu ter amado este livro, né? Tem contos assustadores, mas tem contos também tristes. O segundo que mais gostei foi Os filhos de Lir, com um começo e final impressionante. Super recomendo a vocês, tenho certeza que vão adorar! E fiquem ligados que amanhã sai o sorteio de férias! Beijinhos.


10 comentários:

  1. Nossa, também sou muito fã de livros assim. Estou louca para ler! A arte da capa também está linda, céus!
    Fiquei com muita vontade de ler e a sua resenha está muito bem feita.

    Beijos,
    Carolina
    http://maravilhosomundodetinta.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi!!!!
    Quando vi o titulo e a capa já fiquei fascinada, adoro tudo sobre bruxas.
    Mesmo sendo de contos, o que não tenho costume de ler, tenho certeza que vou gostar e fiquei com uma super vontade de ler.

    Beijooos

    Magia Literária

    ResponderExcluir
  3. Fiquei super curioso para ler este livro!
    Parece ser ótimo.
    Com toda certeza, irei lê-lo.
    Parabéns pela resenha.
    Abraço...

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Li esse livro e amei, resenha meio difícil de fazer, pq são vários contos, adorei a sua em especial.Parabéns!!!
    Contos celtas são interessantes pelo conteúdo moral que passam sem muita pieguice.

    Beijos
    Vivi
    Razão e Resenhas
    http://vivianeblood.blogspot.com/2012/01/amigos-do-blog.html#comment-form

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. A capa do livro não me agradou muito, mas depois de ler a sua resenha eu me interessei em ler. Parece ser um livro bem agradável.

    Bjinho,
    pirigueteliteraria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Gosto muito de contos! Esse tem contos assustadores então eu já gostei! hahahaha
    Tinha visto esse livro, e apesar de não gostar muito da capa a sinopse me chamou atenção!
    Beijos!

    Elidiane - Leitura entre amigas

    ResponderExcluir
  8. Também sou um admirador de estórias de bruxos e bruxas. Acho que isso fica gravado desde nossa infância, não é? Vou procurar esse livro, sua resenha me convenceu! Cheguei até aqui via Skoob, querendo saber mais sobre a promoção "Silêncio". Eis que encontro um ótimo blog de resenhas. Também tenho um, mas estou só iniciando.

    Abraços,

    Flavio Santos
    http://almanaque-super-moderno.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. NOSSA, preciso desse livro agora *o* risos. Amei a resenha. E também AMO livros de bruxas e etc... aliás, o 1• livro que li, foi sobre bruxa boa e bruxa má, quando eu tinha 7 anos ^^

    beijos, http://doceescrita.blogspot.com/ xx

    ResponderExcluir
  10. Então né... kkk'
    Preciso ler este livro! Adorei a sua resenha e nem preciso dizer o quanto me deixou com vontade de sair correndo e comprar o livro não é?
    Adoro esta temática de bruxas e é bastante raro encontrar livros que encorporam este tema.
    Parabéns pela resenha e pelo blog anjo, ou bruxinha se preferir. kkk'
    Um beijo ;*

    Juliana . Oliveira
    http://linhasdeencanto.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Fique a vontade para comentar.Será muito bom saber o que você pensa...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...