[Resenha] Desejo proibido - Sophie Jackson

Livro: Desejo proibido
Autora: Sophie Jackson
Editora: Arqueiro
Número de páginas: 411
Classificação: 4/5

Minha Opinião: 

Sophie Jackson é uma professora do noroeste da Inglaterra que adora ler, assistir filmes e é assumidamente fã de quadrinhos. Desejo proibido é seu primeiro romance.

Não vou esconder que eu amo romances regados a muita tensão, e com bad boys. Resumindo: amo o gênero NA, e dificilmente vou me cansar dele.

Katherine Lane sofreu um trauma grande ao presenciar a morte do seu pai. Por pouco ela também não foi assassinada junto, e só escapou porque um rapaz a ajudou.
Filha e neta de senadores, após concluir seus estudos em Literatura, ela decide dar aulas em uma penitenciária.
E é na prisão que ela conhece Carter. O detento irrita Kat de todas as maneiras. Durante as aulas ele a provoca, e desafia. Mas como um desafio, ela aceita ser tutora dele.
Com a convivência, Carter acaba despertando a paixão de Kat. E o romance proibido ainda guarda um segredo de Carter que pode afastá-los, ou aproximá-los mais ainda.

Sou obrigada a dar crédito a narrativa de Sophie, por me fazer ler este livro em tempo recorde. Lembro que quando peguei o exemplar na estante não estava muito confiante de que a narrativa em terceira pessoa iria me prender. Ledo engano. Apesar de não ser meu tipo de narrativa preferido em livros desse gênero, Jackson sabe introduzir momentos de tensão e suspense, que tornam a leitura bem mais fluida.
"Era mais que atração. Era desejo. Ele estava faminto por ela - em todos os sentidos que se permitia pensar."
O bad boy da vez também tem seu mérito. A autora eleva o posto de garoto mau a um outro patamar, já que Carter é um prisioneiro, e não apenas um cara arrogante, e tatuado, que anda por aí na sua moto envenenada.
As provocações de Carter me levaram a loucura. Quem não gosta de um belo (e delicioso) desafio? E apesar da fachada de durão e inatingível, ele é o tipo de rapaz incompreendido que mexe com o imaginário feminino.
E pra acabar com os pequi de Goiás, ele é apaixonado por literatura.
Eu ia a loucura com a forma com a qual Carter tratava Kat. Uma espécie de desejo reprimido, com distanciamento, e profunda admiração mascarada. Não é de se admirar que ela não tenha resistido ao charme dele.
"Carter seguiu os olhos dele pelo gradil e avistou uma mulher ruiva com a bunda mais gostosa que ele já viu. Deliciosamente embrulhada em uma saia preta ate os joelhos. Suas pernas lindas desapareciam em sapatos de salto pretos...”.
O enredo que começa promissor, acaba dando algumas derrapadas. Não espere um segredo avassalador. O prólogo já deixa claro como será o desenrolar da trama, e temos uma surpresinha aqui e acolá, mas nada que faça os tambores rufarem.
A briga e implicância da mãe de Kat, me pareceu um tanto subestimada. Afinal, ela é uma mulher de 25 anos, e não uma adolescente de 17, para ficar chateada porque a mãe não aprova seu relacionamento.
O envolvimento de Carter e Kat é bem consistente. Ele não é do tipo que se apaixona e muda da água pro vinho, e isso foi o que mais gostei. A autora trabalhou bem a questão do passado dele, e como isso afetava o namoro com Kat. Declarações de amor não era desperdiçadas pelas páginas, e a mudança gradual de Carter foi super convincente.

Confesso que o final ficou um pouco andando em círculos, e não achei necessidade de uma continuação (embora esteja louca de vontade de rever Carter e Kat).
Desejo proibido é mais do que uma história de amor entre um cara problemático, e a menina certinha. É também uma história de superar antigos traumas, e seguir em frente. Recomendo

7 comentários:

  1. Oi,
    Confesso que esse romance chamou a minha atenção no lançamento, mas algumas resenhas me deixaram com o pé atrás. Não curto livros que ficam andando em circulo.
    Bjs!
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir
  2. Esse livro está na minha lista de desejos.
    Não li tantos NA, mas quase todos que li do gênero eu gostei bastante e é bom saber que tem uma história bem trabalhado do bad boy. Espero ler em breve.
    Bjo

    ResponderExcluir
  3. eu ja li, mas sabe aquela história que te marca que você não consegue expressar bem em palavras?
    foi uma surpresa, eu não dava muito por ele e solicitei mais por curiosidade que por vontade e menina que contentamento, a história não é boa, é maravilhosa! enredo diferente, super envolvente e ja virei fã
    felicidadeemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi, Jacque!
    Fiquei muuuito curiosa com esse livro, normalmente não leio livros com a mocinha se apaixonando com o bad boy e etc (e devo confessar que tenho um certo preconceito), mas alguns desses eu já me arrisquei e devo dizer que gostei muito, um deles é Belo Desastre!
    Mas, olha, como você falou, esse é outro patamar de bad boy, já que o cara é prisioneiro! Se eu topar com esse livro por aí, e num precinho bom, vou comprar e conferir, sua resenha me deu muita vontade ;)
    Beijoss
    www.vidaemmarte.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi, gostei muito da resenha e fiquei muito curiosa no livro. Já li desse gênero, o Belo Desastre. Espero que seja tão bom quanto o que já li.
    Beijos
    http://judamit.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi, Jacque!

    Apesar de gostar de NA, a premissa não chamou minha atenção. É bom saber que, mesmo que a autora tenha enrolado em certos momentos, a leitura valeu a pena.
    Ótima resenha!

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. De fato eu nunca me interessei muito por livros com essa temática, mas esse está sendo um dos únicos que eu sinto realmente vontade de ler, que realmente me interessa. Acho que a minha lista de livros vai aumentar esse ano drasticamente. Adorei o seu blog, já está nos meus favoritos.

    Meu Blog: www.umcontainer.com

    ResponderExcluir

Fique a vontade para comentar.Será muito bom saber o que você pensa...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...